Saiba mais

Pronto Atendimento

Conheça a classificação de prioridade do nosso Pronto Atendimento:

Emergência

Pacientes cujo atendimento não pode aguardar. O atendimento precisa ser imediato.

Muito urgente

Pacientes que precisam ser atendidos o mais rápido possível. Atendimento em aproximadamente 10 min.

Urgente

Pacientes com necessidade de atendimento rápido, mas que podem aguardar. Atendimento em aproximadamente 30 min.

Pouco urgente

Pacientes que podem aguardar atendimento por algum tempo. Atendimento em aproximadamente 90 min.

Não urgente

Pacientes que podem aguardar ou procurar atendimento eletivo. Atendimento sem estimativa aproximada de tempo.

Pacientes em estado de emergência têm prioridade e poderão passar na frente de outros pacientes que estão na fila de atendimento.

O Pronto Atendimento é um serviço exclusivo de emergência. Por isso, não realizamos:

  • Atendimentos eletivos, como investigação de queixas crônicas.
  • Emissão de atestados e exames físicos para concursos e atividades físicas.
  • Prescrição de medicamentos controlados para uso contínuo.
  • Testes de gravidez.
Saiba mais

Pronto Atendimento

Conheça a classificação de prioridade do nosso Pronto Atendimento:

Emergência

Pacientes cujo atendimento não pode aguardar. O atendimento precisa ser imediato.

Muito urgente

Pacientes que precisam ser atendidos o mais rápido possível. Atendimento em aproximadamente 10 min.

Urgente

Pacientes com necessidade de atendimento rápido, mas que podem aguardar. Atendimento em aproximadamente 30 min.

Pouco urgente

Pacientes que podem aguardar atendimento por algum tempo. Atendimento em aproximadamente 90 min.

Não urgente

Pacientes que podem aguardar ou procurar atendimento eletivo. Atendimento sem estimativa aproximada de tempo.

Pacientes em estado de emergência têm prioridade e poderão passar na frente de outros pacientes que estão na fila de atendimento.

O Pronto Atendimento é um serviço exclusivo de emergência. Por isso, não realizamos:

  • Atendimentos eletivos, como investigação de queixas crônicas.
  • Emissão de atestados e exames físicos para concursos e atividades físicas.
  • Prescrição de medicamentos controlados para uso contínuo.
  • Testes de gravidez.

Artroplastia: alívio para as dores nas articulações

A artroplastia é um procedimento cirúrgico que tem sido amplamente utilizado no tratamento de casos graves de artroses e osteoartrites, devolvendo os movimentos e ajudando a restabelecer a qualidade de vida dos pacientes.

O Marcelino Champagnat conta com especialistas neste tipo de cirurgia, como o Dr. Ademir Shuroff, médico ortopedista e diretor do corpo clínico do hospital. A seguir, ele explica detalhes sobre a artroplastia do quadril. Tire suas dúvidas e fique por dentro!

O que é artroplastia do quadril?

A artroplastia do quadril é a substituição da articulação natural do paciente por uma articulação protética. Na artroplastia total do quadril são substituídos o acetábulo e a cabeça do fêmur pela prótese. A cirurgia é feita pela via aberta e o corte na pele é de aproximadamente 15 cm, um dos principais fatores para o sucesso é a experiência do cirurgião.

Radiografia de paciente com artrose de quadril bilateral.
Radiografia após a realização de artroplastia bilateral de quadril.

Em que situações este procedimento é indicado?

Após os 60 anos, 13% das mulheres e 10% dos homens terão desgaste da articulação coxo-femoral e serão candidatos a cirurgia de prótese. Na faixa etária acima dos 80 anos, a incidência de artrose (desgaste articular) quase triplica. A substituição da articulação do quadril tem ótimos resultados para melhora da dor, ganho de movimentos e melhora funcional. É considerada a cirurgia do século em grau de satisfação, desde que bem indicada. A melhora clínica é tão significativa que alguns pacientes dizem não se lembrar que um dia foram operados.

A indicação do tratamento cirúrgico é individualizada, após avaliação clínica e exame complementar. As principais indicações são: artrose, osteonecrose (infarto ósseo), fratura do colo do fêmur, doenças da infância que acometem o quadril. As principais contraindicações são doença cardiopulmonar grave e infecção próximo ao sítio cirúrgico.

Como é o pós-operatório e que cuidados devem ser tomados?

Após a realização da cirurgia, o tempo médio de internamento hospitalar é de 48 horas. Durante este período, o paciente é monitorado cuidadosamente, é realizado controle da dor, prevenção de infecção com antibióticos e prevenção para trombose.

No primeiro dia após a cirurgia, o paciente já poderá sair do leito e caminhar com o andador sob supervisão da equipe de fisioterapia, além de aprender os principais exercícios para o processo de reabilitação.

Os principais cuidados são com a ferida operatória (troca de curativo) e evitar alguns movimentos como: cruzar a perna, calçar a meia, agachar e sentar em local baixo.

Quais são os tipos de próteses disponíveis?

Há diversas opções de próteses e a escolha deve ser individualizada, conforme a idade, doenças preexistentes, qualidade óssea do paciente e a experiência do cirurgião. Podem ser cimentadas, hibridas e não cimentadas.

As superfícies de contato da prótese mais comumente utilizadas são cabeça femoral de metal ou cerâmica com o componente acetabular de polietileno ou cerâmica.

Devido a melhora da qualidade dos implantes ortopédicos e da técnica cirúrgica, o tempo de duração da prótese está cada vez maior, podendo chegar a aproximadamente 25 anos. As superfícies de cerâmica com polietileno cross-linked e de cerâmica com cerâmica são as que apresentam menor desgaste.

Quanto tempo leva para retomar a vida normal após a cirurgia?

O processo de retomada das atividades de vida diária é gradual e depende de cada paciente. São fatores que interferem na recuperação: idade, doenças preexistentes, grau de independência no pré-operatório, massa muscular e o motivo pelo qual a cirurgia foi indicada.

Inicia no primeiro dia pós-operatório, caminhando com auxílio do andador ou muletas e vai evoluindo normalmente em uma a três semanas. O tempo médio para voltar dirigir é de 2 a 4 semanas.

É possível praticar esportes de alta intensidade após a cirurgia?

Esportes de impacto na articulação do quadril devem ser evitados principalmente para garantir maior sobrevida do implante, sendo indicado exercícios como: caminhada, bicicleta, natação, pilates, hidroginástica e musculação.

Qual a importância da realização de atividades físicas regulares para a saúde dos ossos e articulações?

A realização frequente de exercícios físicos é primordial para um envelhecimento saudável, a prática de exercícios aeróbicos associado ao fortalecimento muscular tornam as pessoas mais independentes de medicações ou uso de órtese, menos suscetíveis a quedas e, caso necessitem a realização da artroplastia de quadril, apresentam melhor recuperação.

Quais são os diferenciais do Hospital Marcelino Champagnat neste tipo de cirurgia?

O Hospital Marcelino Champagnat, por meio da sua estrutura e de seu corpo clínico, traz segurança ao paciente para realização do procedimento cirúrgico e ambiente adequado para recuperação pós-operatória, com protocolo de cirurgia segura, checagem das medicações, controle de quedas, controle de infecções e equipe multidisciplinar.

Compartilhe nosso post!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Hospitais de Curitiba recebem prêmio de excelência em saúde

Mulheres enfrentam maior risco de lesões em joelhos na prática de esporte

Covid longa: quatro anos depois, pacientes infectados no início da pandemia mantêm acompanhamento constante

Médicos elaboram guia de atendimento emergencial para pacientes bariátricos

O Hospital passa a se chamar São Marcelino Champagnat

Novo equipamento faz mapeamento do coração em 3D que oferece maior precisão. Hospital Marcelino Champagnat é o único do Paraná a dispor dessa tecnologia.
O evento terá duração de três dias, finalizando em 11 de março. A última edição aconteceu em formato on-line e, por isso, as datas mencionadas marcam o retorno presencial do Congresso, que dessa vez será em São Paulo – SP.
A arritmia cardíaca é uma condição caracterizada pela falta de ritmo nos batimentos do coração. Ela pode ser sintoma de algum problema (físico ou psicológico) para o organismo ou fruto de um desequilíbrio do próprio órgão.
Nova regra da Fifa prevê retirada do jogador da partida após pancada na cabeça; 13% das contusões graves do Mundial de 2018 foram de choques na cabeça e região cervical
Você conhece as causas do esquecimento e quando é o momento ideal para procurar um neurologista? Saiba já com nosso especialista.
Câncer de próstata levou a 44 mortes diárias de brasileiros em 2021, mas doença não é a única que recebe diagnóstico tardio pela falta de acompanhamento médico dos homens
Ex-técnico da Seleção Brasileira de Futebol, Felipão, faz palestra nos hospitais Universitário Cajuru e Marcelino Champagnat.
Estudos indicam que casos de demência podem triplicar até 2050; esquecimento nem sempre está presente entre os primeiros sintomas da doença
Confira os sintomas e situações que são indicativos para a busca do Pronto Atendimento do Hospital Marcelino Champagnat
Recomendado é fazer uma consulta antes da viagem e providenciar receitas médicas em inglês para não passar apertos
Procedimento pioneiro no Paraná foi realizado no Hospital Marcelino Champagnat e é indicado para pacientes com alto risco cirúrgico
Resistência a antibióticos pode levar à morte de 10 milhões de pessoas por ano a partir de 2050
Apesar de menos nocivo que o cigarro comum, dispositivo oferece risco de infarto e doenças pulmonares
Casados há 64 anos, Izan e Albanita ficaram 12 dias separados; melhora foi significativa após equipe de saúde unir os dois
30% das pessoas que sofrem de hipertensão desconhecem o diagnóstico por falta de sintomas
Número de testes caiu durante a pandemia; tratamento garante qualidade de vida, mas preconceito contra infectados ainda é grande
Continuaremos trabalhando arduamente para o retorno à normalidade